Quero ser cliente

Acidentes com Crianças

Publicado em 25/07/2013
Imagem do Artigo Acidentes com Crianças

Queimaduras

Acidentes envolvendo queimaduras hospitalizam milhares de crianças e deixam outras milhares com sequelas permanentes, cujo tratamento é, na maioria das vezes, dolorido e demorado. Uma tomada sem proteção, o cabo da panela virado para fora do fogão, materiais inflamáveis perto do fogo representam perigo. A maioria dos casos ocorre na cozinha, onde crianças brincam nos horários de preparo dos alimentos.

Informação e educação são os elementos chave para prevenir acidentes envolvendo queimaduras.

O fogo exerce uma atração quase mágica na infância.

A "brincadeira" tende a começar no quarto, quando estão sozinhos com fósforos ou isqueiros.

A maioria dos incêndios residenciais com mortes na faixa etária até 9 anos ocorre quando as crianças estão tentando escapar, mas não são capazes de agir ou estão agindo irracionalmente. As crianças mais novas correm um risco ainda maior.

Como proteger uma criança de uma queimadura

Ensine a criança

Durante o incêndio, arrastar-se embaixo da fumaça evita intoxicação.

Nunca volte para um prédio em chamas. As crianças devem ser lembradas para não parar ou voltar por alguma razão, como um brinquedo ou para ligar para o número de emergência. A ligação para a emergência deve ser feita depois de deixar o edifício ou a casa.

"Pare, caia e role". Se pegar fogo nas roupas da criança pare, faça-a cair no chão e rolar de um lado para o outro rapidamente para extinguir as chamas.

Envenenamento (Intoxicação)

Curiosidade é um estágio natural do desenvolvimento da criança, mas isso também pode colocá-la em grande risco de envenenamento e intoxicação não intencional.

Quando expostas ao veneno, crianças sofrem consequências mais sérias, pois elas são menores, têm metabolismo rápido e seus organismos são menos capazes de lidar com toxinas químicas. A grande maioria dos casos de exposição a veneno acontece no ambiente de casa.

As crianças mais novas estão naturalmente em maior risco, e a maior frequência de casos ocorre entre as crianças até 4 anos. Crianças podem ser envenenadas por muitos produtos domésticos comuns, incluindo produtos de limpeza, cosméticos, plantas, corpos estranhos, brinquedos, pesticidas, produtos de arte, tintas, álcool, medicamentos G vitaminas.

As tintas do berço e da parede de sua casa podem conter substâncias tóxicas como chumbo e monóxido de carbono, as quais fazem mal á saúde da criança.

Como proteger uma criança de um envenenamento (intoxicação)

Dicas e Novidades

Curta a Medic Saúde e Seguros


Operadoras e Seguradoras