Quero ser cliente

29.08 - Dia Nacional de Combate ao Fumo

Publicado em 15/08/2016
Imagem do Artigo 29.08 - Dia Nacional de Combate ao Fumo

O Que acontece com você quando para de fumar.

20 Minutos: Dentro de 20 minutos após parar de fumar a sua pressão arterial e pulsação vai voltar ao normal.

24 Horas: Neste ponto as coisas podem começar ficar um pouco difíceis. Suas ansiedades e os sintomas da abstinência vão atingir seu pico de intensidade. Alguns destes sintomas incluem ânsias intensas por tabaco, raiva, frustração, depressão e irritabilidade. Como os fumantes muitas vezes dependem de pausas para o cigarro para reduzir estes sentimentos de estresse, eles podem achar difícil superar tais emoções e sem ter sua dose de nicotina. Ao mesmo tempo, o nível do monóxido de carbono no sangue foi reduzida ao normal até agora.

48 Horas: Dois dias e as coisas começarão a ficar melhor. Sua capacidade de cheirar e provar as coisas vão ter melhorado muito.

2 semanas: Duas semanas é o momento da verdade: os sintomas negativos de abstinência e os efeitos colaterais começam a desaparecer, sua circulação melhora e seus pulmões começam a cicatrizar de fato. Você vai começar a se sentir mais enérgico, experimentar menos tosse e falta de ar.

30 Dias: Dia a dia, os seus efeitos negativos continuam a diminuir até estarem quase completamente desaparecidos. Sua energia e a saúde do seu pulmão melhoram e os minúsculos pêlos que revestem os pulmões funcionam normalmente. Sua função é limpá-los para ajudar a evitar infecções e o seu trabalho será mais fácil agora que você não está destruindo-as com alcatrão.

40 Dias:
Você conseguiu! Agora tudo que você tem a fazer é manter. As coisas estão mais fáceis agora, já que as primeiras semanas são as mais difíceis. Lembre-se: conforme você avança, o risco de doença cardíaca coronária, ataque cardíaco e acidente vascular cerebral diminui em 50% um ano após parar de fumar. Cinco anos depois o risco de uma hemorragia subaracnóide diminui em 41%, e seu risco de diabetes diminui também. Vinte anos mais tarde, se você ainda mantiver firme e longe dos cigarros, o risco de doenças crônicas e morte terão reduzido ao de um não-fumante.

Dicas e Novidades

Curta a Medic Saúde e Seguros


Operadoras e Seguradoras