Quero ser cliente

21 de abril dia mundial de combate a Asma

Publicado em 08/06/2015
Imagem do Artigo 21 de abril dia mundial de combate a Asma

A asma é uma das doenças de fundo alérgico que mais atinge pessoas em todo o mundo.


Dados da Associação Brasileira de Alergia e Imunopatologia (Asbai) mostram que no Brasil, 10% da população sofrem com este problema. Neste dia 21 de junho, Dia Nacional da Prevenção à Asma, vamos falar mais desta doença que aumenta de gravidade no inverno.
A asma é uma doença que decorre a partir da inflamação das vias respiratórias e atinge pessoas de qualquer idade. Os sintomas da asma são tosse, falta de ar e cansaço, mas estes podem ser confundidos com crises de sinusite ou até mesmo pneumonia. Porém, essas manifestações acompanhadas de chiados recorrentes e aperto no peito, podem ser um quadro asmático.
A doença atinge as crianças com mais intensidade.

Socorrendo alguem em crise de Asma


1 - Uma boa forma de ajudar alguém que tem esta doença é evitar que essa pessoa esteja em lugares com fumo ou cheiros intensos que possam desencadear um ataque de asma.
É muito importante que essa pessoa ande constantemente com os medicamentos receitados (broncodilatadores, anti-inflamatórios, entre outros) pelo médico para, caso tenha algum ataque, poder rapidamente tratar dele.
Quando estiver com uma pessoa que tenha um ataque, pergunte imediatamente se ela tem consigo o inalador e se sim ajude-a a usá-lo. Estas pessoas, nestas condições dificilmente conseguem manusear facilmente os objectos, devido à aflição em que estão.


2 - Quando isto não acontece e alguém ao seu lado está a ter um ataque de asma a melhor solução é tentar acalmar essa pessoa e pedir-lhe para tentar respirar fundo e mais devagar, tentando assim inspirar o máximo de ar possível. Esta técnica faz com que o muco que se encontra nas vias respiratórias possa desprender-se e facilitar a passagem dor ar.

 3 - Estas pessoas têm tendência a ficar extremamente nervosas devido à aflição de quererem respirar e não conseguirem, e por esta razão é fundamental que você mantenha a calma e consiga transmitir essa calma ao doente.
Caso esta solução não resulte ligue imediatamente para as urgências e explique que essa pessoa está a ter um ataque de asma e não tem consigo os medicamentos necessários para a aliviar. Enquanto espera pela assistência médica mantenha a pessoa numa posição agradável para facilitar a sua respiração, neste caso será sentada com as costas direitas, e dê-lhe algum espaço para ela conseguir receber o oxigênio. Quanto mais perto estiver da pessoa pior ela vai-se sentir, porque vai sentir que você está a impedir a passagem de ar. O melhor é manter uma distância considerável para a pessoa não ficar mais nervosa.

4 - No caso de não poderem esperar pela assistência médica e a pessoa tiver que se deslocar, evite que ela faça muitos movimentos bruscos ou que ande demasiado rápido. Uma pessoa com este problema facilmente perde as forças e o melhor mesmo é acompanha-la na deslocação o mais calmo e devagar possível.

Dicas e Novidades

Curta a Medic Saúde e Seguros


Operadoras e Seguradoras